Toronto – Dia 29 – Marlies Game

Nesse domingo fui assistir um jogo de Hockey do Toronto Marlies, que é o time de “2ª divisão” do Toronto Maple Leafs!
O jogo ocorreu no Ricoh Coliseum, que é um ginásio bem menor do que o Air Canadá Centre onde o Maple Leafs e o Toronto Raptors (NBA) jogam!

Face Off

Eu já tinha visto alguns jogos de Hockey pela televisão e sabia que o jogo não é algo que pode ser chamado de esporte de contato, é muito mais do que isso! O contato físico é uma premissa do jogo de Hockey, e a violência é parte da cultura! Isso não significa que as torcidas se agridem, as agressões e confusões ficam no gelo, isso é genial!!

No começo do jogo eu até me assustei algumas vezes com as colisões dos jogadores contra o vidro! A pancada é forte e treme tudo! Depois comecei a achar aquilo normal!

Pré Jogo

Assim como no jogo da NBA, o espetáculo oferecido por eles é algo incrível! Sejam as luzes, as músicas, interação com a platéia através do telão, ou as homenagens aos grandes nomes do esporte que precederam o jogo!

Tudo no esporte Norte Americando, seja nos EUA ou no Canadá, é pensado para transformar um simples evento esportivo em um grande espetáculo, mesmo que seja em uma liga não tão importante como a NHL (Ligra principal do Hockey).

Uma das coisas mais legais que eu vi foi a torcida organizada de dois integrantes! Eram dois caras, adultos, um deles com uns 35 anos e o outro em torno dos 50, e eles tinham tambores, bandeiras, estavam completamente uniformizados e sozinhos acabaram puxando a torcida várias vezes!

Torcida Organizada

Pra minha sorte, eles estavam bem na minha frente, o que tornou a experiência ainda mais divertida! Uma coisa que eles fizeram e eu ri muito foi quando no final do primeiro tempo, apenas alguns segundos antes do narrador do ginásio informar que faltava um minuto pro intervalo, eles gritaram juntos, bem alto, “How many time left? (Quanto tempo falta?)”, logo que eles terminaram, a voz do narrador ecoou pelo ginásio: “One minute left!”, então ambos responderam “Thank You!”!

Achei aquilo genial, parecia que era pra eles que o narrador estava dando a informação, aquele momento foi incrível pra todos os que conseguiram ouví-los!

Sobre o jogo, realmente não sei muito o que escrever, só que o Marlies começou perdendo de 2 a 0 e no fim do jogo virou e venceu por 4 a 2! Foi incrível!

Vejam as fotos no link abaixo, e comentem!!

Toronto – Dia 29 – Marlies Game

Related Posts with Thumbnails
Share

10 Comentários

  1. Que bacana que eles sabem torcer civilizadamente!!! Aproveita que ta acabando!!

  2. Bacana!! Primeiro mundo é outra coisa…
    Nunca fui em eventos esportivos aqui por isso… ninguém é civilizado. Mil vezes assistir pela TV!
    =**

  3. Olá André,
    irei para Toronto em agosto para um curso de 1 mês. encontrei o seu blog na net, e achei mto bacana os posts, videos, fotos etc. Pelo que vi, estudou (ou ainda está estudando) na PLI. Como ainda não decidi a escola (estou em duvida entre a ILSC e PLI) se possivel, gostaria de saber se vc gostou da escola…pois nós que não conhecemos ficamos mto na dúvida, apenas com as informações de agências aqui do Brasil. Se puder me ajudar, agradeço muito. mesmo se postar informações de como foi a escola, aulas, tenho certeza que ajudará muitos estudantes do Brasil. Obrigado e parabéns pelo ótimo blog.

    • Olá Junior,

      Cheguei sábado de lá, a experiência foi incrível!! Estava na PLI e gostei muito, além do método que é excelente, o que me fez escolher a PLI foram basicamente dois motivos:

      1) Menor número de brasileiros comparando com outras escolas (65% aproximadamente, contra 80%)
      2) Idade dos alunos é maior também, na média!

      Essa semana pretendo fazer um post com as impressões finais da viagem e inclusive falarei da escola! Vamos ver quando conseguirei colocar isso no ar!!

      Abraços, e aproveite a sua estadia lá, vale muito a pena!!!!

      • Andre, obrigado pela atençao e informações. acompanharei os proximos posts. tambem espero curtir bastante toronto. abraços

      • Andre obridao pela atençao e informaçoes. continuarei acompanhando o blog pra ver as novidades. tambem espero curtir bastante toronto. abraços

  4. Excelente post! Imagino o que deve ser divertido isso aí ao vivo! Lembro que meu irmão foi num jogo de hockey há algum tempo e fiquei impressionado com as fotos dos caras limpando QUANTIDADES de sangue do gelo como se fosse aqueles caras que secam suor da quadra de vôlei pra não escorregar, ou seja, tudo muito normal. A única diferença é que o estádio que ele foi não parecia uma igreja com torres do Assassin’s Creed!
    Parabéns também por ter virado referência, vi os comentários do Júnior buscando informação, graças à qualidade dos seus posts.

  5. Fala André, tudo bem. Seu xará aqui está fazendo planos pra ir ao Canadá em 2013. Sei que já faz um tempinho que você foi, mas o seu blog é muito interessante e aguçou mais ainda meu desejo. Você disse uma coisa que me interessou muito (tem mais adultos nessa escola). Se me permite, só uma dúvida. Você escolheu Hostel no lugar de Homestay por já falar inglês. Ou teve informações que o homestay não seria mil maravilhas.
    Na PLI tem cursos de 02 meses também ?

    Desde já muito obrigado pelas informações.

    • Olá André,

      Que bom que meu blog te ajudou, já que está parado a praticamente um ano!
      Eu escolhi o Hostel por causa da minha idade, na verdade, já que já estava com 31 anos quando fui. Achei que no Hostel teria mais liberdade e conheceria gente do mundo todo. Isso de fato ocorreu, conheci pessoas que estavam ali não pelo curso de inglês, já que vinham de países de lingua inglesa, como Austrália, Irlanda, além de pessoas da França, Alemanha, e tantos outros lugares.
      Porém, vi como contra ponto o fato de como eu não era nativo em inglês, algumas vezes eu acabei ficando deslocado nas conversas.
      Por relatos do pessoal que estava na PLI comigo, a opção do Homestay é interessante, as experiências são bem diferentes, pois você vive o dia a dia de quem mora lá, não necessariamente Canadenses.

      Na PLI você pode fazer aulas por 1 mês ou qualquer outra duração que você queira!!!

      Fico à disposição pra sanar qualquer dúvida!!

      Abraços!!!!

  6. Legal André, obrigado por responder tão rápido.
    Bem, eu estou com 37 cara e acredito que seria um “filho” bem velhinho pra uma homestay, he he. Mas vou pensar nas duas alternativas sim. Penso em fazer um Business Course. Claro, focando uma galera mais adulta. Falo de Brasília-DF e confesso que não tenho certeza se vou pra ILAC ou PLI. Tenho ouvido falar muito bem das duas.
    Seja o que Deus que quiser e em 2013 estarei lá. Muito obrigado mesmo. Ainda estou curtindo os vídeos no teu blog. Abraço!

Deixe uma resposta